Arquivo da tag: Aromatização de ambientes

A história da Aromatização.

o-banho

Muito se fala sobre as vantagens da aromatização, dos sentimentos e energias que os aromas e perfumes despertam em nós. Há muito tempo o ser humano busca perfumar ambientes, seja para favorecer certas práticas, elevar energias, conquistar, celebrar e até mesmo para curar.
Isso acontece porque nossa ligação com aromas e memórias sempre existiu. Todas as comunidades parecem ter desenvolvido uma relação com os aromas presentes nos ambientes em que vivem. Uma floresta com sua mistura de plantas, por exemplo, pode ser considerada um dos primeiros ambientes aromatizados que o homem teve acesso.
Esses aromas foram levados também para o dia a dia dos nossos ancestrais, fazendo parte da culinária, cosmética e hábitos do dia a dia, como colocar uma lavanda na roupa para perfumar.
Quando entramos na história da aromatização, também falamos da história dos óleos essenciais e das resinas, que nos leva a entrar na história dos perfumes.

Aromatização nas culturas antigas
Há registros do uso de aromatizadores em diversas culturas antigas. No antigo Egito, por exemplo, certos aromas eram utilizados na mumificação para atrair o divino, afastar pragas e maus odores. Somente sacerdotes podiam manipular tais preparos. Entre os aromas mais comuns temos o olíbano, a mirra, o nardo e o alecrim.
Os egípcios podem ser considerados os “pais” da perfumaria, tendo influenciado muitos outros povos.
Mas os óleos aromatizantes também eram muito utilizados, pelos seus poderes curativos para corpo e alma, como acontecia na civilização védica indiana e na medicina chinesa.

Aromaterapia moderna
Apesar da história nos mostrar que a aromaterapia não é recente, sua popularidade se deu graças ao engenheiro químico francês René-Maurice Gattefossé, no início do século XX.
Acidentalmente, René descobriu as propriedades curativas do óleo da lavanda. Depois disso, começou uma pesquisa em que descobriu inúmeras outras propriedades de outros óleos essenciais. Começava aí os primeiros passos da aromaterapia. A partir daí, os óleos essenciais passaram a ser estudados em diferentes formas de aplicação.
www.ditacasa.blog.br

O poder afrodisíaco dos Óleos Essenciais.

cinco-oleos-essenciais-para-ter-em-casa-69-798

O olfato é um dos sentidos mais subestimados no jogo da sedução. Mesmo quando se sabe da sua importância, muitas mulheres se limitam a usar um perfume ou um hidratante como arma. Na verdade, existe toda uma linha de estudo dedicada a descobrir quais são os aromas e perfumes afrodisíacos. É a chamada aromaterapia afrodisíaca.
Somos animais e, como todo animal, usamos nossos cheiros naturais para atrair parceiros. A verdade é que também somos seres racionais e por isso normalmente nossos aromas naturais mais atrapalham do que ajudam. Mas a aromaterapia afrodisíaca não nos deixa na mão e vai dizer em quais aromas e perfumes afrodisíacos você deve apostar para atrair seu parceiro. A ideia é buscar na natureza e na ciência uma combinação que imite aqueles cheiros naturais, apelando assim para o inconsciente. Esta ciência baseia-se em estudos que observam as mudanças provocadas no cérebro, na temperatura corporal, pressão sanguínea, respiração e pulsação quando sentimos determinados aromas.

Alguns exemplos da ação dos óleos sobre a psiquê:
Sândalo – Bom para homens usarem pois transmite à mulher uma sensação de segurança, de capacidade e autodomínio, características admiradas pelas mulheres;

Ylang Ylang – Bom para mulheres, traz uma sensação de sensualidade, de feminilidade e envolvimento, auxilia na entrega ao parceiro;

Benjoim do Sião – Relaxante e facilitador do relacionamento, quando sob tensão;

Jasmim – Bom para mulheres, sensação de sensualidade, estimula o lado feminino da mulher, é um aroma envolvente;

Aipo, Cominho, Tabaco – Bom para homens, usados como nota de fundo em perfumes, podem ser estimulantes sexuais, mas puros tornam-se desagradáveis e excessivamente fortes, estimulam a masculinidade;

Rosa e Gerânio – Bom para mulheres, dá a sensação de uma mulher decidida, que sabe o que quer, são suavemente quentes e estimulantes;

Vetiver, Pachouli – Bom para homens, aromas fortes, inspiram capacidade e segurança.

Aroma especial – Cheiros agradáveis ajudam a nova mamãe a se sentir tranquila e relaxada

 

grvida21

Qualquer mudança nos faz passar por uma fase delicada de adaptação. A gravidez é uma delas, mas, antes de tudo, é uma experiência encantadora.

Durante a gravidez, o organismo da mamãe passa por incríveis transformações para poder fornecer um desenvolvimento mais saudável e tranquilo ao nenê. E, nessa adaptação maravilhosa, alguns hormônios podem deixar a mamãe um pouquinho mais sensível a determinados aromas. Por isso, alguns cheirinhos suaves podem ajudar a proporcionar uma ótima sensação de bem-estar e aconchego. 

Para ajudar a aliviar um possível desconforto, um ambiente com aromas agradáveis pode ser fundamental para a nova mamãe se sentir tranquila e relaxada enquanto espera a chegada de seu bebê. Afinal é por meio do olfato que incorporamos o meio externo para nosso mundo interno, o mundo das emoções, das memórias e dos afetos.

Isso também pode ser bom para o nenê, pois conforme estudos, dentro da barriga da mamãe o olfato dele vai sendo estimulado pelo líquido amniótico e o nenê registra emocionalmente as sensações afinal a história emocional de uma pessoa inicia-se bem antes do nascimento. E, em breve, mamãe e bebê vão poder sentir o cheirinho um do outro e perceber a intensidade do lindo vínculo que os une.

Relaxamento perfumado – Conheça alguns aromas indicados para ajudar a promover o bem-estar da gestante:

  • Passiflora: extraído da semente de maracujá, possui propriedades suavizantes e calmantes.
  • Lavanda: ajuda a gestante a relaxar.
  • Tangerina: estimula a alegria e o bom humor.
  • Camomila: promove o relaxamento e diminui o estresse.
  • Ylang ylang: acalma a ansiedade.
  • Cedro: combate o medo.
  • Bergamota: ajuda na depressão pós-parto.
  • Hortelã: auxilia no combate a azia e enjoos

Cultive lavanda em sua casa e mantenha os ambientes tranquilos e perfumados.

lavanda1

Como são lindos os campos de lavanda, não é mesmo? Se fecharmos nossos olhos, podemos imaginar algumas plantas de tonalidade lilás e o aroma delicado, em uma área que se estende até o horizonte. E que tal termos o nosso próprio campo de lavandas ou, de uma forma mais modesta, criarmos em casa um espacinho só para elas?

A lavanda é uma planta extremamente simples e de florada abundante, que pode ser plantada durante o ano inteiro. Ela não gosta de terra encharcada e se desenvolve melhor na terra aerada. Se adaptada muito bem na nossa região (Sudeste), de clima temperado. Aqui não temos o sol constante do Nordeste e nem o frio árido do Sul.

A lavanda pode ser plantada no solo ou em vasos, de preferência de barro ou cimento. O ideal é colocar casquinhas de pinos ou outros substratos que mantenham a planta úmida nos vasos. A terra úmida e aerada torna as plantas mais saudáveis.

Além do perfume, a Lavanda ou Alfazema, como é conhecida no Brasil, pode ser utilizada também como fonte medicinal analgésica, sedativa, antiinflamatória, antiséptica, relaxante e calmante. Além disso, a cor lilás já é ‘calma’ e isso ajuda.

Conheça nossos aromatizadores de ambientes  Home Pocket e Home Spray, você pode comprar através da nossa loja virtual:

www.aromasdanatureza.com.br/loja

 

Você adora um aroma agradável pelo ar?

casal

Os tipos de aromatizantes disponíveis no mercado são inúmeros, podendo variar entre spray, pulverizadores, difusores com palitos e os clássicos sachês.

Alguns utilizam óleo essencial e é importante que você escolha o que mais combina com a sua casa porque também são compostos de propriedades medicinais e podem auxiliar no tratamento de saúde. Com a chegada das estações frias, os mais indicados para aromatizar a casa no clima frio são essências de Lavanda, Green-Tea, Alecrim (Vip), Capim-Limão (Natural) e Âmbar, cada qual com sua propriedade medicinal.

Cada fragrância tem a sua característica, como a de acalmar, dar energia, aumentar a concentração, entre outras.

E lembre-se de deixar o sol entrar em casa, ainda mais nos dias de inverno que fechamos ainda mais a casa, deixe o ar se renovar, todos os dias abra as janelas, cortinas e até as portas dos armários para que a luz, o sol e um ar novo e sem vícios percorra por sua casa. Essa troca é fundamental para controlar a umidade e o mofo, evitar doenças respiratórias e espantar o cheiro de casa fechada.

www.aromasdanatureza.com.br/loja